| Login | Crie o seu Jornal Online FREE!

A FOLHA DE NORDESTINA
Desde: 13/03/2010      Publicadas: 35569      Atualização: 11/12/2017

Capa |  ANIVERSARIANTES DO MÊS  |  ANIVERSARIANTES ILUSTRES  |  ANUNCIANTES ESPECIAIS  |  ANÚNCIOS  |  ANÚNCIOS ESPECIAIS  |  ARTIGOS ESPORTIVOS  |  ARTIGOS EVANGÉLICOS  |  ARTIGOS POLÍTICOS  |  BATE PAPO ESPORTIVO  |  BLOG RECOMENDADO  |  CARTÃO VERMELHO  |  COLUNISTAS  |  CONSELHOS MUNICIPAIS  |  CURIOSIDADES BÍBLICAS  |  CURIOSIDADES EM GERAL  |  DIRETÓRIO DE IGREJAS  |  EDITORIAL  |  ELEIÇÕES 2012  |  ELEIÇÕES 2012  |  EMPREGOS  |  ESPAÇO DO LEITOR  |  ESPORTES  |  EXPEDIENTE  |  FESTAS E EVENTOS  |  FRASES E PENSAMENTOS  |  FUNDADOR E PRESIDENTE  |  IGREJAS EVANGÉLICAS  |  LEITOR INFANTIL  |  MÍDIAS DE NORDESTINA  |  NOTÍCIAS DE NORDESTINA  |  NOTÍCIAS DO BRASIL  |  NOTÍCIAS INTERNACIONAIS  |  PENSAMENTO DO DIA  |  PENSAMENTOS MARCANTES  |  PROPAGANDA POLÍTICA  |  Realizações do Pr. Ruy Matos  |  RESUMO DAS NOVELAS  |  RIA SE PUDER  |  SITE DA ALN DE NORDESTINA  |  SITE RECOMENDADO


 NOTÍCIAS INTERNACIONAIS

  02/06/2017
  0 comentário(s)


Trump diz que EUA podem retornar a Acordo de Paris "em base mais justa"

A saída dos Estados Unidos (EUA) do Acordo de Paris " compromisso global que define metas conjuntas para amenizar os efeitos das mudanças climáticas " pode não ser definitiva, de acordo com o presidente Donald Trump.

Trump diz que EUA podem retornar a Acordo de Paris
 

 

Em discurso nesta quinta-feira (1º), ao anunciar a retirada dos Estados Unidos do tratado sobre o clima, Trump ponderou que a retirada do país implica a revisão dos termos do acordo e a busca de um formato que seja, na sua visão, "mais justo" para os americanos.

No anúncio de hoje, Trump disse "estar cumprindo seu dever solene para proteger a América e seus cidadãos. Vamos reinserir o país no Acordo de Paris ou participar de uma nova transação com novos termos que sejam justos para os Estados Unidos", afirmou.

O anúncio de Trump não trouxe detalhes sobre como será a retirada do país do acordo, mas, na prática, os Estados Unidos já haviam começado a inviabilizar o cumprimento das metas com que o país havia se comprometido em 2015 – quando em janeiro, o presidente assinou várias ordens executivas que contrariam o acordado. Principalmente no setor energético.

Uma das medidas, por exemplo, praticamente extinguia o Plano Energia Limpa, deixado como legado pelo então presidente Barack Obama. Trump também diminuiu a estrutura da Agência de Proteção Ambiental (EPA, na sigla em inglês), que viabilizava projetos para produção de energia limpa, e retirou limites impostos a usinas termoelétricas e as restrições à produção e uso de energia fóssil, como a derivada do carvão.

Trump disse que o Acordo de Paris “não é justo para os Estados Unidos” e que a retirada do país não necessariamente significa uma posição que não possa ser revista no futuro. Segundo o presidente, o tratado é "ruim para os americanos. No discurso, ele disse que o acordo foi mal negociado pela administração Obama e assinado por desespero, o que representa um custo para o povo americano em detrimento de sua economia.

Impacto negativo

A retirada dos Estados Unidos pode impactar negativamente nos progressos feitos em torno do Acordo de Paris, firmado em 2015, após mais de dez anos de negociações para tentar mitigar o efeito da atividade econômica no clima terrestre. O tratado foi assinado por 195 países e ratificado por 147, responsáveis por 80% das emissões.

Segundo maior emissor de gases depois da China, os EUA respondem por 18% do carbono lançado na atmosfera, ou 6,5 milhões de toneladas por ano. A saída americana tornaria ainda mais difíceis as metas do acordo, de reduzir o carbono na atmosfera de 69 bilhões de toneladas para 56 bilhões, e negociar metas futuras para manter, até 2100, o aquecimento global em nível inferior a 2ºC.

A posição contrária de Donald Trump sobre o acordo já era conhecida desde a época da campanha. Ele costuma dizer que o aquecimento global é uma farsa e que os argumentos usados para manter o tratado são "falácia". Mesmo assim, após sua posse, alguns diplomatas americanos chegaram a dizer que ele estaria mudando de posicionamento, o que não aconteceu.

Na semana passada, Trump entrou em desacordo com os líderes do G7, o grupo dos países mais ricos do mundo, quando foi o único dos chefes de governo do bloco a não entrar em consenso sobre a manutenção do acordo de Paris. Até mesmo a China, maior poluidor mundial, afirmou este ano que o acordo do clima é vital para o futuro da humanidade. 

Reações

O governo brasileiro se disse decepcionado com o anúncio dos EUA de sair do Acordo de Paris. Por meio dos ministérios das Relações Exteriores e do Meio Ambiente, o Brasil manifestou preocupação com o “impacto negativo” que a decisão pode causar e se comprometeu novamente com o “esforço global de combate” às mudanças climáticas.

“O governo brasileiro recebeu com profunda preocupação e decepção o anúncio no dia de hoje, 1° de junho, de que o governo norte-americano pretende retirar-se do Acordo de Paris sob a Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima e 'renegociar' sua reentrada. Preocupa-nos o impacto negativo de tal decisão no diálogo e cooperação multilaterais para o enfrentamento de desafios globais”, afirmou uma nota conjunta assinada pelos dois ministérios.

O Greenpeace – maior organização não governamental de defesa do meio ambiente – também se pronunciou contra a saída dos Estados Unidos do acordo sobre o Clima e colocou em sua página na internet uma petição em defesa do acordo climático. Com o título Resista!, a ONG convida a população a assinar uma petição contra a decisão de Trump e diz que está claro que o objetivo dele "é minar o progresso sobre as alterações climáticas".

O Greenpeace destaca que o Acordo de Paris não é "somente um pedaço de papel, mas sim um modelo estruturado para construir um futuro de energia limpa". Além disso, a ONG condena o fato de Trump ter "atacado o Plano Energia Limpa" de Obama e autorizado projetos de empresas petrolíferas para perfurações no Ártico,  - que Obama havia proibido anteriormente.

Sintomaticamente, no mesmo dia em que Trump informou o abandono do Acordo de Paris, ambientalistas e cientistas internacionais lamentaram que um dos maiores icebergs do mundo esteja a ponto de desprender-se na Antártica. A massa de gelo tem 350 metros de espessura e pesquisadores associam o seu desprendimento rápido ao processo de degelo dos polos, uma das consequências do processo de aquecimento global.

Edição: Augusto Queiroz
  Autor:   AGÊNCIA BRASIL


  Mais notícias da seção INTERNACIONAIS no caderno NOTÍCIAS INTERNACIONAIS
10/12/2017 - INTERNACIONAIS - Coreia do Norte: Bloqueio marítimo seria uma "declaração de guerra"
A Coreia do Norte advertiu neste domingo (10) que um bloqueio marítimo ao país seria "uma declaração de guerra", em referência a uma das novas sanções os Estados Unidos planejam impor ao país Pyongyang após o lançamento de seu último míssil balístico....
10/12/2017 - INTERNACIONAIS - Decisão de Trump sobre Jerusalém gera protesto em frente a embaixadas americanas
Os protestos que se iniciaram desde que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou o reconhecimento de Jerusalém como capital de Israel continuam neste domingo (10). ...
08/12/2017 - INTERNACIONAIS - Na ONU, aliados e opositores dos EUA confrontam decisão sobre Jerusalém
Em reunião do Conselho de Segurança das Nações Unidas hoje (8) convocada pelo Reino Unido, França, Suécia, Bolívia, Uruguai, Itália, Senegal e Egito, todos os membros do órgão, menos os Estados Unidos, se posicionaram contra a decisão tomada......
08/12/2017 - INTERNACIONAIS - Xeique da mesquita Al Azhar se recusa a receber vice-presidente dos EUA
O xeique da mesquita Al Azhar, uma das principais instituições do islã sunita, Ahmed el Tayeb, se recusou hoje (8) a reunir-se com o vice-presidente dos Estados Unidos, Mike Pence, em protesto pela decisão de Washington de reconhecer Jerusalém como capital de Israel. ...
02/12/2017 - INTERNACIONAIS - Papa Francisco teve encontro com refugiados em Bangladesh
O papa Francisco teve um encontro emotivo em Bangladesh com refugiados muçulmanos de Mianmar e usou a palavra rohingya para descrevê-los pela primeira vez em sua viagem à Ásia, ao pedir que eles sejam respeitados....
28/11/2017 - INTERNACIONAIS - Pentágono diz que míssil norte-coreano "põe em risco a paz mundial e regional"
O chefe do Pentágono, James Mattis, alertou que o míssil lançado nesta terça-feira pela Coreia do Norte alcançou uma altitude maior que os disparados em testes anteriores, e por isso põe em "risco a paz mundial e regional"....
28/11/2017 - INTERNACIONAIS - EUA pedem novas sanções à Coreia do Norte após lançamento de míssil
A porta-voz do Departamento de Estado dos Estados Unidos, Heather Nauert, anunciou nesta terça-feira que o governo do seu país pedirá a adoção de novas sanções contra a Coreia do Norte depois que o regime de Kim Jong-un fez um novo teste de lançamento de um míssil intercontinental....
22/11/2017 - INTERNACIONAIS - Avião militar dos EUA cai no Pacífico com 11 pessoas a bordo
Um avião da Marinha dos Estados Unidos (EUA), com 11 tripulantes a bordo, caiu no mar hoje (22) quando se dirigia para um porta-aviões localizado nas águas das Filipinas. As causas do acidente ainda são desconhecidas....
22/11/2017 - INTERNACIONAIS - Mulheres ganham 16% a menos do que os homens na Europa
A igualdade de gênero e o empoderamento das mulheres é um dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável para o mundo, a ser alcançado até 2030. No entanto, ainda está longe de ser realidade....
22/11/2017 - INTERNACIONAIS - Mladic é condenado à prisão perpétua por genocídio durante Guerra da Bósnia
O Tribunal Penal Internacional para a Antiga Iugoslávia (TPII) sentenciou nesta quarta-feira (22) o ex-militar sérvio-bósnio Ratko Mladic à prisão perpétua como "culpado" por genocídio e crimes contra a humanidade. A informação é da Agência EFE....
21/11/2017 - INTERNACIONAIS - Trump encerra status de proteção temporária de 58 mil imigrantes haitianos
O governo dos Estados Unidos (EUA) anunciou ontem (20) o fim do Status de Proteção Temporária (TPS) para o Haiti, dando um período de 18 meses para que os 58.706 beneficiários da medida voltem ao país ou busquem alternativa. ...
21/11/2017 - INTERNACIONAIS - Ministros do Zimbábue não comparecem a reunião de gabinete convocada por Mugabe
O presidente do Zimbábue, Robert Mugabe, convocou hoje (21) uma reunião de seu gabinete de governo, que acabou sendo um fracasso, pois nenhum de seus ministros compareceu, informou hoje o jornal estatal zimbabuano The Herald....
21/11/2017 - INTERNACIONAIS - Atentado suicida deixa pelo menos 50 mortos na Nigéria
Pelo menos 50 pessoas morreram nesta terça-feira (21) em atentado suicida em uma mesquita no Nordeste da Nigéria, na região de Adamawa, informaram à Agência EFE fontes policiais....
20/11/2017 - INTERNACIONAIS - Em Madri, Ledezma afirma que saiu da Venezuela porque temia sequestro
O opositor venezuelano Antonio Ledezma disse hoje (20) que decidiu sair do seu país porque lhe informaram que seria "sequestrado" pelas forças de segurança, embora não as tenha citado explicitamente, e que a culpa seria atribuída a um comando paramilitar colombiano....
17/11/2017 - INTERNACIONAIS - "Nasci para brilhar", diz Titica, a cantora trans angolana
Ela é a rainha do som africano do kuduro e a primeira cantora a assumir a transexualidade em Angola. Titica é querida pelas crianças e se tornou ídolo pop em seu país, mesmo diante do conservadorismo....
17/11/2017 - INTERNACIONAIS - Mugabe preside ato em sua primeira aparição pública após golpe militar
O presidente do Zimbábue, Robert Mugabe, presidiu uma cerimônia de graduação em uma universidade da capital, Harare, sua primeira aparição pública depois do golpe das Forças Armadas contra o governo, apesar de os militares manterem o controle do país....
17/11/2017 - INTERNACIONAIS - Papa Francisco diz que eutanásia é ilícita
O papa Francisco afirmou ontem (16) que a eutanásia é sempre ilícita, mas reconheceu como "moralmente lícito" renunciar ou suspender a aplicação de meios terapêuticos quando eles são eticamente desproporcionais....
16/11/2017 - INTERNACIONAIS - " Mugabe resiste à pressão de militares para deixar governo do Zimbábue
O presidente Robert Mugabe insiste que é o único governante legítimo do Zimbábue, disse uma fonte de inteligência nesta quinta-feira (16), e está resistindo à mediação de um padre católico que visa a conceder ao ex-guerrilheiro, de 93 anos, uma saída honrosa na esteira de um golpe militar....
16/11/2017 - INTERNACIONAIS - Coreia do Sul diz que EUA não podem atacar Coreia do Norte sem consentimento
O presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, não deve "sob nenhuma circunstância" adotar ações militares contra a Coreia do Norte sem o consentimento da Coreia do Sul, disse a líder do partido governista sul-coreano, Choo Mi-ae, nessa quarta-feira (15)....
14/11/2017 - INTERNACIONAIS - Jungmann discute em Washington criação de autoridade sul-americana de segurança
O ministro da Defesa, Raul Jungmann, se reuniu em Washington com o subsecretário de Estado para Assuntos Políticos dos Estados Unidos, Thomas A. Shannon Jr., para discutir a possibilidade de criação de uma autoridade sul-americana de segurança, para combater......
14/11/2017 - INTERNACIONAIS - Porto Rico pede US$ 95 bilhões para se recuperar da passagem dos furacões
A ilha de Porto Rico ainda enfrenta os efeitos da passagem dos furacões Irma, no começo de setembro, e Maria, que atingiu o território portorriquenho na última semana de setembro. ...
14/11/2017 - INTERNACIONAIS - Rohani visita áreas afetadas por terremoto e promete ajuda para reconstrução
O presidente do Irã, Hassan Rohani, visitou nesta terça-feira (14) algumas das áreas mais afetadas pelo terremoto do último domingo, que deixou pelo menos 430 mortos na província ocidental de Kermanshah, e prometeu ajuda governamental para a reconstrução....
10/11/2017 - INTERNACIONAIS - Educação e rendimentos altos aumentam expectativa de vida, diz relatório da OCDE
Um aumento nos rendimentos, assim como o maior nível de escolarização de uma pessoa, significam maior expectativa de vida. ...
10/11/2017 - INTERNACIONAIS - Juiz brasileiro é reeleito para Corte Internacional de Justiça, em Haia
O juiz brasileiro Antônio Augusto Cançado Trindade foi reeleito para a Corte Internacional de Justiça (CIJ), com sede em Haia, na Holanda. A votação que conferiu o novo mandato a Antônio Augusto Cançado Trindade ocorreu no fim da tarde de ontem (9). ...
10/11/2017 - INTERNACIONAIS - Chefe da ONU anuncia ida à COP 23 e pede que mundo acelere ação climática
O secretário-geral da ONU, António Guterres, anunciou a jornalistas nesta sexta-feira, em Nova Iorque, que irá à Ásia e à Europa em uma viagem que inclui sua participação na Conferência das Nações Unidas sobre Mudança Climática, COP 23, realizada em Bonn, na Alemanha. ...
09/11/2017 - INTERNACIONAIS - Políticos catalães prestam depoimento à Justiça
Os seis políticos catalães envolvidos na declaração unilateral de independência da região prestam depoimentos na tarde de hoje (9) no Supremo Tribunal espanhol. ...
08/11/2017 - INTERNACIONAIS - França vende à Argentina cinco aviões de combate Super Étendard usados
A França vendeu cinco aviões de combate usados "Super Étendard" à Argentina, que conta com uma frota militar obsoleta e organizará eventos internacionais nos próximos anos, disse nesta terça-feira à agêncis Reuters o embaixador francês em Buenos Aires, Pierre Henri Guignard....
07/11/2017 - INTERNACIONAIS - Polícia francesa faz operações antiterrorismo em cidades do Sudeste do país
A polícia francesa lançou uma operação antiterrorismo nesta terça-feira (7), na região de Alpes-Maritimes, no Sudeste da França, afirmou uma fonte policial. As informações são da Reuters*....
03/11/2017 - INTERNACIONAIS - Coreia do Norte nega que seu último teste nuclear tenha provocado mortes
A Coreia do Norte negou nesta sexta-feira (3) que tenham ocorrido mortes em seu centro nuclear por causa do último teste atômico, como informou nesta semana uma rede de televisão japonesa....
03/11/2017 - INTERNACIONAIS - Trump ameaça Estado islâmico e diz que grupo pagará por ataques
O presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, advertiu nesta sexta-feira (3) que o Estado Islâmico (EI) pagará alto preço por seus ataques contra o país. ...



Capa |  ANIVERSARIANTES DO MÊS  |  ANIVERSARIANTES ILUSTRES  |  ANUNCIANTES ESPECIAIS  |  ANÚNCIOS  |  ANÚNCIOS ESPECIAIS  |  ARTIGOS ESPORTIVOS  |  ARTIGOS EVANGÉLICOS  |  ARTIGOS POLÍTICOS  |  BATE PAPO ESPORTIVO  |  BLOG RECOMENDADO  |  CARTÃO VERMELHO  |  COLUNISTAS  |  CONSELHOS MUNICIPAIS  |  CURIOSIDADES BÍBLICAS  |  CURIOSIDADES EM GERAL  |  DIRETÓRIO DE IGREJAS  |  EDITORIAL  |  ELEIÇÕES 2012  |  ELEIÇÕES 2012  |  EMPREGOS  |  ESPAÇO DO LEITOR  |  ESPORTES  |  EXPEDIENTE  |  FESTAS E EVENTOS  |  FRASES E PENSAMENTOS  |  FUNDADOR E PRESIDENTE  |  IGREJAS EVANGÉLICAS  |  LEITOR INFANTIL  |  MÍDIAS DE NORDESTINA  |  NOTÍCIAS DE NORDESTINA  |  NOTÍCIAS DO BRASIL  |  NOTÍCIAS INTERNACIONAIS  |  PENSAMENTO DO DIA  |  PENSAMENTOS MARCANTES  |  PROPAGANDA POLÍTICA  |  Realizações do Pr. Ruy Matos  |  RESUMO DAS NOVELAS  |  RIA SE PUDER  |  SITE DA ALN DE NORDESTINA  |  SITE RECOMENDADO
Busca em

  
35569 Notícias


PENSAMENTOS MARCANTES
 

PENSAMENTOS MARCANTES

 

Estão enganados !

 

PENSAMENTOS MARCANTES

 

Vale a pena meditar

 

PENSAMENTOS MARCANTES

 

Vale a pena meditar

 

PENSAMENTOS MARCANTES

 

Vale a pena meditar

 

PENSAMENTOS MARCANTES

 

Vale a pena meditar

 

PENSAMENTOS MARCANTES

 

Vale a pena meditar

 

PENSAMENTOS MARCANTES

 

Vale a pena meditar

 

PENSAMENTOS MARCANTES

 

Vale a pena meditar

 

PENSAMENTOS MARCANTES

 

Vale a pena meditar